Quiropraxia

25 de fevereiro de 2019

Quiropraxia


A Quiropraxia, criada por Daniel David Palmer em 1895, é uma forma de medicina alternativa reconhecida e incentivada pela OMS (Organização Mundial da Saúde), focada em diagnosticar, tratar e prevenir problemas do sistema musculoesquelético, especialmente relacionados a coluna. As principais técnicas de tratamento quiroprático envolvem a terapia manual, e a manipulação das articulações e dos tecidos moles.

Palmer, acreditava na possibilidade da manipulação da coluna tratar doenças de diversos sistemas, seu primeiro paciente foi Harvey Lillard, que havia perdido a audição após sentir um "pop" em suas costas. Palmer deduziu que os dois eventos, o barulho nas costas e a surdez, estavam ligados. Ele passou a mão cuidadosamente na espinha de Lillard e sentiu que uma das vértebras não estava em sua posição normal. Então Palmer a colocou na posição, utilizando o processo espinhoso como alavanca, e logo o homem podia ouvir como antes. Surgindo assim o primeiro ajuste vertebral.

 


A Subluxação é uma disfunção articular, onde pode ou não haver um mau posicionamento entre elas, mas sempre haverá uma alteração da sua faixa normal de movimento. São causados principalmente por um trauma ou micro traumas repetitivos e acumulados, somados a tensão ou encurtamento muscular. A Quiropraxia propõe a manutenção preventiva e o tratamento, ou seja, prevenir o desgaste excessivo, a perda de eficiência e melhora da dor. 

As principais condições tratadas com Quiropaxia são:
Dores na coluna vertebral, dores de cabeça, dores e tensão muscular, dores articulares, restrições a movimentação, parestesia em membros (formigamento) na perna ou braço, ciatalgias (chamada de dor ciática pelos leigos, que é a dor na coxa ou na perna), cervicalgias (dor no pescoço e região próxima), lombalgias (dor na lombar e região proximal ao quadril) entre outras.